Team Liquid é campeã da 1ª etapa da LBFF – Free Fire Esports

Dominante do início ao fim, a Team Liquid se consagrou neste domingo, 15, a grande campeã da 1ª etapa da Série A da Liga Brasileira de Free Fire. Formada por Peu, JapaBKR, LukasTD, Raposo e LUUUKING, a equipe ex-B8 foi o time que mais liderou ao longo do torneio e fechou a competição com um total de 1619 pontos, 72 a mais que a Vivo Keyd, vice-campeã. LOUD, que abriu o dia gritando BOOYAH, ficou na terceira colocação. PRG e SKS não conseguiram se garantir entre os três melhores e acabaram rebaixados para a Série B. Capitão da equipe, Japa foi eleito o MVP da competição, mesmo com seis quedas a menos. Ele somou ao todo 116 abates.

imagem22-03-2022-04-03-48Team Liquid é campeã da final da 1ª etapa da Série A da Liga Brasileira de Free Fire (Foto: Cesar Galeão/Garena)

Confira como ficou a classificação final, o placar de abates e o resumo da última rodada:

Classificação final – 1ª etapa (Série A)

  • Team Liquid – 1619 pontos
  • Vivo Keyd – 1547 pontos
  • LOUD – 1481 pontos
  • paiN Gaming – 1464 pontos
  • INTZ – 1343 pontos
  • Corinthians Free Fire – 1324 pontos
  • BD Los Grandes – 1209 pontos
  • FURIA – 1141 pontos
  • B4 – 1104 pontos
  • RED Canids Kalunga – 1081 pontos
  • PRG – 1047 pontos – Rebaixada para a Série B
  • SKS – 874 pontos – Rebaixada para a Série B
  • imagem22-03-2022-04-03-49

    Placar de abates – 1ª etapa (Série A)

    imagem22-03-2022-04-03-50

    Resumo da rodada

    Dando o pontapé inicial na grande final, a LOUD gritou o primeiro BOOYAH do dia em Purgatório, levando a melhor em cima da RED Kalunga, que com a segunda colocação, começou bem a corrida contra o rebaixamento. Team Liquid, que abriu o dia na liderança do campeonato, caiu na sexta posição após uma queda mal controlada. Vivo Keyd, equipe que mais ameaça o título de Peu e companhia, caiu na quarta posição.

    Top 3: LOUD #1 (36 pontos/8 eliminações); RED Kalunga (29 pontos/6 eliminações); paiN Gaming #3 (29 pontos/7 eliminações).

    Em seguida, partindo para Bermuda, foi a vez da BD Los Grandes gritar BOOYAH e fechar o primeiro bloco de quedas da grande final. Phoenix, Pedro, Jubinha e Ricck bateram o Corinthians nos momentos finais da partida, abusando da vantagem de terreno e pressionando Fixa e companhia para fora da safe. Destaque para a LOUD, que mesmo fora da disputa final, conseguiu ser o terceiro time que mais pontuou na partida.

    Top 3: BD Los Grandes #1 (48 pontos/14 eliminações); Corinthians #2 (35 pontos/9 eliminações); LOUD #3 (20 pontos/5 eliminações).

    Lutando na última colocação, a SKS finalmente teve o seu momento de glória na Liga Brasileira de Free Fire e gritou BOOYAH na terceira partida do dia, disputada em Purgatório. Fogo, Modestia, PapaX e Nemo levaram a melhor em cima de paiN Gaming e B4, que também estavam vivas na última safe, mas não foram favorecidas pelo posicionamento. O destaque da vez vai para a BD Los Grandes, que depois de conquistar a segunda queda, voltou a brilhar e apareceu entre as três melhores equipes com mais de dez abates na conta.

    Top 3: SKS #1 (36 pontos/8 eliminações); paiN Gaming #2 (29 pontos/6 eliminações); BD Los Grandes #3 (28 pontos/11 eliminações).

    Depois de uma partida com um final atípico, com quatro jogadores de equipes diferentes vivos, a equipe da paiN Gaming foi quem ficou com o BOOYAH no segundo Bermuda do dia. Anon, representante dos tradicionais, tinha o melhor posicionamento no aberto e levou a melhor em cima de Peu, Japa e Nemo, que representavam Team Liquid, Corinthians e SKS, respectivamente. Por causa do número de abates, a paiN foi a terceira colocada no número de pontos, enquanto SKS e Corinthians assumiram as primeiras posições.

    Top 3: SKS #1 (33 pontos/9 eliminações); Corinthians #2 (33 pontos/10 eliminações); paiN Gaming #3 (26 pontos/3 eliminações).

    Para consagrar o título, a Team Liquid entrou com o Luuuking e abriu o terceiro e último bloco da 1ª etapa marcando o BOOYAH após uma sequência de tropeços ao longo da rodada. Embora o último adversário de Peu e companhia tenha sido a B4, que tinha apenas um jogador vivo no final da queda, foi a RED Kalunga, terceira colocada, a segunda equipe que mais pontuou, seguida do Corinthians.

    Top 3: Team Liquid #1 (42 pontos/11 eliminações); RED Kalunga #2 (23 pontos/4 eliminações); Corinthians #3 (22 pontos/5 eliminações).

    Fechando a primeira etapa com chave de ouro, o último BOOYAH da temporada ficou com a equipe da RED Canids, que confirmou a fuga do rebaixamento após uma corrida que durou uma série de rodadas. SKS teve o seu rebaixamento confirmado na última queda e a PRG, que assumiu a 11ª colocação na quinta queda do dia, foi eliminada pela Vivo Keyd no início, ficando sem chances de fugir da zona de risco.

    imagem22-03-2022-04-03-51PRG é rebaixada para a Série B na Liga Brasileira de Free Fire (Foto: Cesar Galeão/Garena)

    A primeira etapa da Série A da Liga Brasileira de Free Fire chegou ao fim. Fique ligado no nosso site e nas redes sociais oficiais do torneio (Facebook, Twitter, Instagram) para ficar por dentro de tudo sobre a próxima temporada do campeonato de Free Fire mais disputado do mundo.

    Fonte: www.ffesportsbr.com.br/2020/03/15/team-liquid-e-campea-da-1a-etapa-da-lbff