#LBFF 7 – B4 reassume liderança na 26ª rodada – Free Fire Esports

Reta final e seus favoritos, parte 2O penúltimo dia de Fase de Grupos da LBFF 7 foi dominado por três dos favoritos ao título. A B4 entrou nos servidores disposta a recuperar a liderança e precisou de apenas algumas quedas para conseguir o feito. Com regularidade ímpar, os Bastardos garantiram um Booyah, 37 abates, sendo 17 de Lobato, e chegaram aos 82 pontos para abrir uma vantagem de 19 sobre o Magic Squad, que terá uma missão dura na noite de segunda-feira para reverter a situação.

Se até ontem se falava em crise no Fluxo, JapaBKR e Ousado mostraram que não é bem assim. Com desempenhos magistrais e várias jogadas memoráveis, a dupla foi responsável por 24 dos 33 abates da equipe na rodada e fundamental na conquista de 64 importantes pontos. O terceiro lugar não é mais uma possibilidade, já que a LOUD completou o top 3 com 61 pontos e finalizou sua participação na Fase de Grupos à frente do Fluxo, mas o resultado deixa claro que eles não chegarão na Grande Final como coadjuvantes.

Tudo se decide em uma noite de segundaEnquanto os líderes terão dias tranquilos pela frente, Miners e Liberty terão uma noite de segunda-feira decisiva. A Miners fez o dever de casa neste domingo, garantiu um Booyah e bons resultados ao longo da rodada, e abriu 18 importantes pontos de vantagem sobre a Liberty, atual lanterna. A situação joga a responsabilidade para a Liberty na noite derradeira, então podemos esperar por um pouco de caos na rodada que finaliza a Fase de Grupos.

Outra disputa que deve ditar o ritmo da noite é entre Tropa e NTX. As equipes entrarão nos servidores separadas por apenas três pontos e a briga pela 13ª colocação nunca foi tão emocionante. Quem conseguirá fugir do Grupo de Acesso? Segunda-feira, 20h.

destaques b4 rodada 26 lbff 7

Veja abaixo um pequeno resumo das quedas disputadas entre os Grupos A e B, válidas pela 26ª rodada da LBFF 7.

Queda 1 – Purgatório

BOOYAH: Netshoes Miners (18 pontos)MVP: RiccK (4 abates)

Pega a visão: Desde a LBFF 3, quando a competição começou a ter uma final, o time campeão sempre terminou a fase de grupo dentre os quatro melhores.

As primeiras trocações demoraram a começar, mas foram entre duas gigantes do cenário: Team Liquid e LOUD. Com ambas em grande fase, o resultado não poderia sequer ser previsto, mas a LOUD parece mais inspirada nessa reta final de competição e contou com uma mãozinha do BD Vasco para eliminar a Cavalaria. Pouco depois, a NTX, que precisa de pontos para fugir do Grupo de Acesso, wipou impiedosamente o Fluxo, que ainda não parece o mesmo.

Outro confronto que marcou a queda, dessa vez já na reta final, foi entre Vivo Keyd e B4, as duas últimas campeãs nacionais. Os Bastardos vêm forte e Yago segue dando aula de Free Fire no meta atual – os Guerreiros não tiveram muitas chances.

A disputa pelo Booyah ficou nas mãos de Real e Miners, que priorizaram as rotações e evitaram confrontos desnecessários. Precisando de pontos para fugir do rebaixamento direto e querendo orgulhar a torcida, a Miners brilhou, contou com grande jogada – e quadra kill – de RiccK e garantiu o primeiro Booyah do dia. Um Booyah de alívio.

ANOTA A PLACA, É O TREM DA @MINERSGG EM PURGATÓRIO! 🚂A equipe começou o dia muito bem, carimbando +18 pontos. Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/5SMP8OVtpa

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Queda 2 – Kalahari

BOOYAH: B4 (23 pontos)MVP: Yago (4 abates)

Momentos tensos separaram o início das primeiras trocações da queda. O Fluxo começou bem em Kalahari, punindo a rotação da Vivo Keyd, mas sem conseguir o squad wipe – será que o gigante acordou? Pouco depois, Posto de Comando ficou pequeno para GOD, BD Vasco e Team Liquid. O Dragão da Colina se viu cercado pelas duas equipes, mas quem acabou caindo rapidamente foi a Cavalaria. O Vasco sofreu nas mãos dos Deuses, mas conseguiu manter um de seus jogadores vivos para tentar um milagre.

As trocações foram incessantes até a decisão do Booyah. Mas claramente, Kalahari tem dona: a B4. O posicionamento sempre privilegiado em Refinaria mais uma vez foi o diferencial para a conquista da vitória no mapa mais quente do Free Fire. LOUD e GOD tentaram, Ousado fez um pequeno milagre e colocou o Fluxo em segundo lugar na queda, mas o Booyah era Bastardo.

BOOOOOOOOOOOOOOOYAH! DA @b4ofc 🐙A equipe deu aulas na segunda queda, pontuando +23 pontos. Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/XwjSxIjI6r

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Queda 3 – Bermuda

BOOYAH: Fluxo (27 pontos)MVP: Ousado (8 abates)

LOUD e BD Vasco reeditaram um confronto várias vezes visto ao longo da temporada. Tudo parecia encaminhar para um squad wipe tranquilo do Dragão da Colina, mas Noda resolveu pôr em prática tudo o que sabe e colocou a equipe de render no bolso em jogada nada menos do que fantástica. Pouco depois, a Cavalaria caiu cedo novamente, já pela terceira vez consecutiva na rodada.

A Miners veio agressiva na rodada. Depois de eliminar uma já fragilizada Vivo Keyd, que acabara de sair de um intenso confronto contra a NTX, os Mineiros superaram o Real e-Sports para entrar de vez na disputa pelo Booyah. Mas a equipe não conseguiu resistir muito tempo e a briga ficou entre Fluxo e 00 Nation. Naquela zona segura sobre a água, velha protagonista de Booyahs divertidos, o Fluxo resolveu ser agressivo como de costume, JapaBKR iludiu seus adversários enquanto Ousado e Syaz assumiam posições agressivas para garantirem um Booyah primoroso. Uma recompensa pela rotação mais longa e tranquila.

BOOOOOOOOOYAH! DO @fluxogg 💜A equipe carimbou um Booyah! com +27 pontos pra conta.Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/nFXZRU6ThS

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Queda 4 – Purgatório

BOOYAH: BD Vasco (22 pontos)MVP: Hender (5 abates)

Fluxo e Real fizeram um dos duelos mais interessantes da rodada. JapaBKR mostrou toda a sua experiência e garantiu um triple kill magistral para manter sua equipe na sala e sonhar com a recuperação. Confrontos como este mostram que, por mais que venha em uma fase contestável, o Fluxo sempre é um favorito. Eles ainda continuaram sua onda de agressividade, mas pararam nas mãos de uma empolgada Miners, que mostra um Free Fire digno das finalistas – pena que já é tarde demais para sonhar.

As equipes foram desaparecendo e o Booyah caiu nas mãos de BD Vasco, B4 e GOD Unidas, que fizeram um duelo em campo aberto. O Dragão da Colina tinha o high ground – dali, é só capa – e aproveitou a vantagem, e todo o talento de Hender, para eliminar um a um deus adversários e garantir a vitória na primeira queda da segunda metade da rodada.

É DOS DRAGÕES DA COLINA, É O @vasco_esports! 🐲💢A equipe carimbou um Booyah! de cria, com direito a 22 pontos. Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/hUR6g1MTa2

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Queda 5 – Kalahari

BOOYAH: Real e-Sports (24 pontos)MVP: But (4 abates)

LOUD e Team Liquid brigavam pela call e analisavam cada movimento. Até que o BD Vasco chegou sem ser convidado, colocou Noda pra dormir e Cauan pra correr, mas acabou sendo atropelado pela Cavalaria. Logo em seguida, Fluxo e Real reeditaram um confronto já comum na temporada, que dessa vez não contou com jogadas impressionantes patrocinadas por JapaBKR.

A B4 novamente chegou forte na disputa pela vitória, passou por cima da 00 Nation, mas caiu nas mãos da Vivo Keyd e do gás. A disputa pelo Booyah ficou entre a Real e os Guerreiros, que já tinham se posicionado no centro da zona segura e souberam aproveitar a vantagem. Mérito da Real, mas a Vivo Keyd não vem em boa fase, mesmo sendo uma das candidatas ao bicampeonato.

BOOOOOOOOOYAH! da @realesports_gg! A equipe colocou fogo em Kalahari, fazendo +24 pontos.Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/4WOJFSAfDE

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Queda 6 – Bermuda

BOOYAH: NTX (14 pontos)MVP: Ousado (5 abates)

Depois do Booyah em Kalahari, o Real e-Sports caiu rapidamente nas mãos da GOD Unidas. A Realeza conseguiu uma vantagem numérica logo no início do confronto, mas os Deuses queriam o squad wipe e contaram com uma inesperada ajuda da Team Liquid para mandar os adversários pro lobby. Mas a Cavalaria, que não é boba, avançou, aproveitou da fragilidade da GOD e mandou eles irem descansar mais cedo no domingo.

Depois de algumas boas trocações, a entrada na zona segura começou a ficar complicada. LOUD e Fluxo fizeram aquele duelo que a gente gosta tanto de assistir, mas Ousado resolveu o imbróglio e amassou. O Fluxo caiu na terceira colocação e o Booyah ficou nas mãos de B4 e NTX. A Nitroxx tinha o melhor posicionamento, os Bastardos sabiam disso e resolveram não oferecer muita resistência.

BOOOOOOOOOOYAH! DA @NitroxxeSports! 💥A equipe carimbou o último Booyah! do dia, com direito a 14 pontos.Tamo ao vivo com a #LBFF:🔴https://t.co/CbiSSIGIQ9🟠https://t.co/r2MhVT3Ho4⚫https://t.co/XdaeJMuPvv📺@RedeTV pic.twitter.com/4ri5YrsGvh

— Free Fire Esports Brasil – #LBFF (@FFesportsBR) April 3, 2022

Classificação

Com o fim da 26ª rodada, a classificação da sétima temporada da Liga Brasileira de Free Fire ficou assim:

classificação rodada 26 lbff 7

Confira o Boletim da oitava semana de LBFF 7 e todos os detalhes da Série B.

Com rodadas triplas transmitidas em TV aberta e fechada, a série A da LBFF 7 volta nesta segunda-feira, 4 de abril, a partir das 13h (horário de Brasília). Acompanhe ao vivo no canal oficial de Esports no YouTube e nos perfis no TikTok, Facebook, Instagram e Twitter, siga a hashtag oficial #LBFF.

Fonte: www.ffesportsbr.com.br/2022/04/03/lbff-7-b4-domina-e-assume-lideranca-na-penultima-rodada