#LBFF 7 – Grupo de Acesso: Os que vêm da Série B – Free Fire Esports

Depois do título inédito da LOUD, é hora de pensar no próximo e último passo da sétima temporada da LBFF, o Grupo de Acesso. No próximo sábado, dia 23 de abril, as quatro vagas remanescentes da Série A da LBFF 8 serão colocadas em jogo – e tem muito time da Série B querendo um lugarzinho na elite.

Uma passagem de volta

Três equipes da Série B sonham com uma segunda chance na elite nacional. A primeira delas é a AmazonCripz, que tem uma das histórias de superação mais incríveis do cenário. Depois de problemas de conexão no Grupo de Acesso para a LBFF 5, eles mantiveram a cabeça erguida e garantiram uma das vagas para a Série A da LBFF 6. Mas a experiência não foi das melhores – a Série A pode ser impiedosa às vezes – e os amazonenses precisaram encarar novamente o drama da divisão de acesso.

Nesta temporada, eles passaram pela primeira fase com tranquilidade, protagonizaram um pequeno milagre nas semifinais e terminaram a decisão na nona colocação, por pouco não deixando a última chance para a FURIA. Mesmo com uma campanha um pouco irregular, a AmazonCripz é uma das equipes para ficar de olho no próximo dia 23 – a gente já sabe como é esse tal de Free Fire.

Quem também quer uma segunda chance na elite é a Xis OG Life, ex-Xisde. A equipe fez uma boa campanha ao longo de toda a temporada, mas não conseguiu um bom desempenho na decisão e amargou a oitava colocação. 

Por fim, a TSM FTX é uma gigante do cenário dos esports e entrou na LBFF direto na elite, mas sentiu toda a pressão, foi rebaixada e não conseguiu escapar da necessidade de passar pela provação da Série B. Após ficar na terceira colocação na final, o popular Team SoloMid chega como uma das favoritas à uma das vagas restantes.

Um sonho chamado Série A

Outros três times chegam sem ter nada a perder e lutarão pelo sonho de figurar pela primeira vez entre os maiores. A FLQ Esports fez uma temporada regular, mas talvez ainda não tenha mostrado o que é necessário para garantir um lugar ao sol. Já a Stars Horizon é outra gigante dos esports e começou a trilhar seu caminho rumo ao topo – a equipe parece preparada, mas precisará mostrar que merece uma chance.

Já a Seven TV já tem certa experiência quando o assunto é Série B. Figurinha carimbada quando o assunto é Grupo de Acesso, a equipe novamente tenta conquistar uma já merecida vaga. Potencial existe, resta saber como eles chegarão em mais uma decisão.

Favoritismo?

Além da TSM FTX, outras duas equipes chegam da Série B como favoritas à uma das quatro vagas restantes. A TropiCaos foi apenas regular na primeira fase, mas mostrou todo o seu potencial nas semifinais e chegou como possível surpresa na Final. A sexta colocação na decisão não deixa claro todo o talento de uma equipe que tem tudo para surpreender – quem não se lembra dos quatro Booyahs em uma única rodada?

Já a Civil é a grande favorita do Grupo de Acesso. Domínio absoluto na primeira fase, um excelente desempenho nas semifinais e um empate com a paiN Gaming, dona da única vaga direta para a Série A graças aos critérios de desempate, na etapa final. São fatores que mostram que o time está preparado e tem um elenco que merece estar no topo. 

Acompanhe a LBFF

Acompanhe a LBFF ao vivo no canal oficial de Esports no YouTube e nos perfis no TikTok, Facebook, Instagram e Twitter; siga a hashtag oficial #LBFF. 

Fique ligado em nosso site oficial e acesse aqui as fotos oficiais da LBFF 7.

Fonte: www.ffesportsbr.com.br/2022/04/18/lbff-7-grupo-de-acesso-aqueles-que-vem-da-serie-b